09
Mai 10

Várias tentativas têm sido feitas no sentido de definir o termo criança excepcional e todas, devem ser ainda bastante elaboradas para que possam ser compreendidas. 

 

 

http://www.educ.fc.ul.pt/icm/icm2000/icm32/nee/index.htm

 

 

Algumas pessoas utilizam esse termo para se referirem a uma criança particularmente inteligente ou a uma criança com talentos pouco comuns. No entanto, o termo tem sido geralmente aceite para designar tanto a criança deficiente quanto a talentosa. Para os presentes objectivos definimos como criança excepcional aquela que difere de criança típica ou normal por:

 a características mentais

a capacidades sensoriais

publicado por necessidadeseducativasnasc às 20:58
sinto-me:



:)

Considero que todas as crianças têm os mesmos direitos.. Não é por estarem sujeitas a necessidades educativas especiais que são menos que os outros. !!

necessidadeseducativasnasc a 14 de Março de 2010 às 18:51

Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
28
29

30


arquivos
2010

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO